O caminho para problematização é um caminho sem volta. Realmente é! A partir do momento em que a pessoa começa a ler, entender e questionar as coisas a sua volta, ou seja, desenvolve um pensamento crítico, não consegue mais parar.

As mulheres, autodeclaras feministas, já percorreram o caminho inicial do criticismo, entenderam o significado do feminismo enquanto luta por direitos iguais entre homens e mulheres. O próximo estágio é reconhecer o machismo em quase tudo.

Nesse estágio, consegue-se, muitas vezes, reconhecer machismo em pequenas atitudes, em pessoas públicas, nos nossos familiares, nas instituições, em quase tudo. O próximo estágio é se sentir parte do movimento feminista e trata-lo como “nossa luta”  e exigir mudanças na sociedade.

 

Isso é bom? É! Mas também é cansativo! Causa um cansaço físico e, principalmente, mental muito grande. E é exatamente sobre isso que precisamos ficar atentas.

A luta feminista tem por finalidade exigir mudanças sociais, para que o mundo se torne um lugar melhor de se habitado para todos, principalmente para as mulheres. Por isso, é necessário observar o quanto essa luta diária e incessante está sendo tóxica, para nós mulheres, para nossa vida. Por mais dura e árdua que seja a nossa luta, temos que tentar viver a luta por uma sociedade melhor e justa sem adoecer.

Não é fácil reconhecer as toxinas sociais sem que ela nos afete. Mas essa também tem que ser uma luta nossa diária, pela nossa saúde mental

Arranje tempo para estar com os seus, entenda “seus” como as pessoas que estão mesma luta que você, para fazer aquela catarse, colocar tudo para fora com quem sabe e reconhece a luta, por que luta junto contigo! Junte a sua galera, organize, saraus, roda de poesia, aula de dança, de desenho ou simplesmente aquele bate-papo informal. Organize tempo para você! Para cuidar de você!

A luta para melhorar o mundo e torna-lo mais justo e igualitário não pode piorar sua vida. Além de contraditório é contraproducente!

Se houver dificuldade na luta, que não seja para Nós! Sigamos JUNTAS!

 

 

 

 

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here